Postagens

Mostrando postagens de Outubro 18, 2015

Brasil é número um em mau comportamento na sala de aula, indica pesquisa

Imagem
Fonte: Portal CNM

Os estudantes brasileiros lideram o ranking de indisciplina na sala de aula. É o que sinaliza relatório da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). A pesquisa internacional sobre ensino e aprendizagem, conhecida pela sigla Talis, aponta que o mau comportamento prejudica as instruções dos professores e absorção de conteúdo. Entre os 34 países que participaram do Talis em 2008 e 2013, são os docentes brasileiros que dizem gastar mais tempo para manter a ordem em sala de aula. Em 2008, eram 18%. Já em 2013, essa porcentagem subiu para 20%, quando a média internacional foi de 13% nos dois períodos. Mais de 60% dos professores no país relataram ter mais de 10% de alunos com problemas de mau comportamento. Situação parecida acontece com o Chile e o México. Nos dois países, os professores também afirmaram enfrentar essas questões em sala de aula. Por outro lado, no Japão, pouco mais de 10% dos professores indicaram lidar com interrupções dos estudant…

QUAL O PAPEL DE UM SINDICATO?

Imagem
Em primeiro lugar queremos destacar que quando nos referimos a sindicato, o mesmo é entendido como uma “associação” resultante da organização dos trabalhadores, ou em casos específicos, de determinadas categorias, como por exemplo, SINDICATODOS PROFESSORES. Neste sentido fica evidente que não é algo natural, ou seja, é fruto da divisão da sociedade em classes e é determinado pelo grau de organização dos trabalhadores na resistência contra a exploração, na defesa e ampliação dos seus direitos, sejam relacionados à carga horária de trabalho, condições dignas para exercer a profissão e remuneração justa.
Todas estas questões perpassam a identificação dos sindicalizados como pertencentes à classe trabalhadora e, portanto, a levantarem e engajarem-se em reivindicações políticas a fim de adquirirem consciência de classe por meio da experiência sindical e da luta organizada.
Um dos grandes problemas observados atualmente diz respeito ao caráter burocrático de muitos sindicatos o que torna os …

VEREADORES DE PENTECOSTE

Imagem
ESPERAR O QUE DELES EM? EXISTEM AS EXCEÇÕES ATÉ QUE SE PROVEM O CONTRÁRIO. PORÉM, MUITOS JÁ PROVARAM QUEM SÃO E PARA QUE ESTÃO ONDE ESTÃO. É SÓ OBSERVAR O HISTÓRICO.
Alguém espera alguma coisa da Câmara de vereadores de Pentecoste? O que? Eu por exemplo, já esperava pouco e agora então. Do jeito que vai vamos ter que fazer campanha para que não exista mais vereador. Afinal, pra que é mesmo que eles servem? Servem pra nada, tirando as exceções. Pelo contrário, Servem pra nos fazer raiva, causar vergonha, compactuar com o ilícito, tirar proveito, viver sob o Chulé do executivo, barganhar em nome próprio e assim atrasar o município. Me esqueci de alguma coisa que possa ser acrescento? Então coloquem ai. Alguns podem ser considerados qualquer coisa menos ter o título de vereador. São umas ratazanas famintas Só acho...
Digo e não peço segredo. Me diga alguma coisa que foi feito pelos vereadores que tiveram algum impacto positivo para a sociedade, pois negativo é toda semana. Professor Valden…

Educação. Piso dos professores pode passar a R$ 2,7 mil

Política
A Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) do Senado vota, na terça-feira, projeto que aumenta o piso salarial dos professores da rede pública para R$ 2.743,65. Para ajudar a financiar o novo piso, o projeto também determina que 5% da arrecadação das loterias seja destinada a custear a complementação de salário dos professores.
Em 2015, de acordo com o Ministério da Educação, o vencimento inicial dos profissionais do magistério público da educação básica, com formação de nível médio modalidade normal, com jornada de 40 horas semanais, é de R$ 1.917,78.
O projeto é da senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) e recebeu voto favorável da relatora, senadora Ângela Portela (PT-RR). O projeto ainda deverá passar pela Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), onde irá tramitar em decisão terminativa. Caso seja aprovado, irá diretamente para a Câmara dos Deputados.
A CE também pode analisar, na mesma sessão, o PLS que institui o Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos que te…

CE perde 2,6 mil professores da rede pública em três anos

Imagem
Ao todo, 1.206 prédios compõem a rede pública de ensino. Nas escolas estaduais, são atendidos 400 mil alunos
00:00 · 18.10.2015 Da precariedade na infraestrutura até a desvalorização salarial. A vida de quem opta por lecionar é repleta de desafios sentidos no cotidiano, o que, muitas vezes, motiva a evasão de professores das salas de aula. No Ceará, de janeiro de 2013 a agosto deste ano, 2.631 professores saíram da rede pública de ensino, incluindo escolas da Prefeitura de Fortaleza e do Governo do Estado do Ceará.
>Orçamento do Estado para Educação é de R$ 2,3 bilhões O número assusta, mas pode ser compreendido por englobar pedidos de exoneração e aposentadorias. Apenas nas escolas municipais de Fortaleza, segundo dados da Secretaria Municipal de Educação (SME), durante o período mencionado, 192 professores foram desligados. Já para outros 1.296 chegou a hora de se aposentar. As estatísticas ganham força em 2014, ano em que dos 1.296, um total de 941 se aposentou e 76 se desvincularam…