sábado, 23 de novembro de 2013

FESTA DE NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO DE PENTECOSTE - CEARÁ

Professor Valdeni Cruz


A partir do dia 28 de Novembro a cidade de Pentecoste viverá  mais uma grande festa de Nossa Senhora da Conceição.
Como tem acontecido nos últimos anos, as novenas tem sido momentos de muita fé e encontro com Jesus e Nossa Senhora. Portanto, cremos firmemente que será mais o ano em que a graça de Deus estará presente. Como todos podem ver pela foto acima, a Igreja templo está linda, esperando por você. Mas o templo humano, que somos cada um de nós é muito mais importante. Afinal, a igreja só faz sentido quando os filhos de Deus se fazem presentes. E a paróquia de Nossa Senhora da Conceição tem vivido este tempo de graça com presença de nosso incansável Padre Davi, homem de fé e de carisma incontestável.

Participemos todos nós deste momento de fé e alegria na presença de Deus. Com início dia 28 e se entenderá até o dia 08 de Dezembro, quando se encerra os festejos.

Bispo de Iguatu proíbe missas de cura nas Igrejas

Documento é divulgado com orientações normativas sobre celebrações dentro e fora das igrejas

Iguatu O bispo da Diocese de Iguatu, dom João Costa, proibiu a celebração de missa de cura e libertação, orações em língua e "repouso" no Espírito Santo, ritos ligados à Renovação Carismática Católica (RCC). A decisão foi anunciada em carta circular enviada aos padres e religiosos. O documento foi lido durante a celebração de missas em 26 paróquias em 19 municípios para conhecimento da comunidade católica.

Rituais de cura, libertação e "repouso" no Espírito Santo são considerados pela Igreja como experiências individuais, sem promoção social e comunitária. Portanto, fogem à tradição das celebrações do catolicismo fotos: honório barbosa

A decisão ocorreu em recente reunião do Colégio de Consultores da Diocese de Iguatu e provocou insatisfação entre os católicos que participavam das missas de cura e libertação. O documento apresenta orientações normativas sobre celebrações dentro e fora da igreja, segundo o que propõe a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

Em Iguatu, na região Centro-Sul do Ceará, foram celebradas três missas de cura e libertação, reunindo centenas de católicos na Igreja Matriz de Senhora Sant´Ana. A liturgia era presidida pelo padre Samuel Cavalcante, pároco da Igreja Matriz de Nossa Senhora do Carmo, na vizinha cidade de Jucás.

Havia expectativa de celebração na última terça-feira, dia 19, na Igreja Catedral de São José. A mudança para um templo maior era decorrente do crescimento do número de participantes. Entretanto, foi suspensa em decorrência da proibição.

Assim como em diversas cidades, em Iguatu, a Renovação Carismática reúne um número crescente de adeptos, atraídos pela nova forma de celebração

Prudência
"Sempre tratei com respeito a Renovação Carismática e reconheço o bem que faz à Igreja Católica mas, como bispo, tenho que disciplinar e orientar a linha que convém à Diocese", explicou dom João Costa. "É preciso prudência", defendeu.

O bispo de Iguatu disse que segue orientações da CNBB e do Vaticano que têm documentos com orientações e limites às práticas da RCC. "Quis evitar exageros em celebrações nas igrejas", explicou dom João Costa. "Nos seus encontros, a Renovação Carismática pode fazer suas adorações e práticas".

Segundo a análise do vigário geral da Diocese de Iguatu, padre Afonso Queiroga, o documento assinado pelo bispo dom João Costa, acolhe a Renovação Carismática Católica, mas não aceita exageros e quer preservar a identidade da igreja diocesana de Iguatu. "A nossa caminhada é baseada nas orientações da CNBB, no cristianismo que não pode se distanciar da realidade social", observou.

O padre João Batista Moreira concorda com a decisão de suspender as missas de cura e libertação. "É preciso evitar que se caminhe para o misticismo e fanatismo", disse. "Milagres existem, mas o próprio Jesus fez curas e pediu que não se propagasse", afirmou.

Outro ponto abordado no documento trata do movimento pentecostal na Igreja Católica com o surgimento da Renovação Carismática. O texto expressa que são movimentos que dão ênfase ao subjetivismo e distanciam-se da realidade.

Repercussão

A decisão da Diocese de Iguatu obteve ampla repercussão nas redes sociais e chegou até o Vaticano. Em Iguatu, as opiniões são divididas entre aqueles que são favoráveis e contrários à suspensão das missas de cura e libertação. "Fiquei triste e lamento ao saber da decisão e confesso que não entendi, pois a missa é uma forma de expressar a fé em Deus, no Espírito Santo", disse a atendente de laboratório em Iguatu, Antonia Alves.

O empresário Gilson Alves participava das celebrações do padre Samuel Cavalcante e questionou: "Era algo irregular? Os padres sabiam que essas celebrações não podiam ser feitas?".

Para Alves, a Igreja deveria esclarecer melhor os católicos, conversando com os fiéis durante a liturgia.

A coordenadora da Pastoral da Criança, na Diocese de Iguatu, Alcileide Bezerra, concorda com a decisão da Diocese.

"A missa é para se viver o mistério pascoal de Cristo, numa dimensão social e missionária", defendeu ela.

O padre Samuel Cavalcante disse que celebrou apenas três missas e ficou surpreso com a decisão do bispo.

"Achei que foi precipitada, pois não usava mais o nome de cura e libertação, fiz correções sugeridas pelo bispo, evitando o passeio com o Santíssimo Sacramento e orações em língua", explicou. "Eu acato e respeito a decisão do bispo, procuro entender a sua decisão e estou pronto para servir à Diocese", afirmou o padre Samuel Cavalcante.

De acordo com o sacerdote, nas Dioceses de Crato, Quixadá e na própria Arquidiocese de Fortaleza há missas com orações espontâneas da RCC. "A minha preocupação é com a cura do coração, e não com a cura física", frisou o religioso.

A coordenação da Renovação Carismática Católica preferiu evitar comentários sobre a decisão da Diocese de Iguatu.

A CNBB oferece recomendações disciplinando práticas místicas no contexto da RCC: evitar a prática do "repouso no Espírito" na qual as pessoas parecem desmaiar durante os momentos de oração, mas permanecem conscientes do que ocorre em sua volta; preocupações exageradas com o demônio; orar e falar em línguas.

FIQUE POR DENTRO

Experiência pessoal com Deus é objetivo

A Renovação Carismática Católica (RCC) é um movimento da Igreja Católica Apostólica Romana surgido nos Estados Unidos em meados da década de 1960. A prática da RCC baseia-se na experiência pessoal com Deus, pela força do Espírito Santo e de seus dons, a fim de que todos tornem-se discípulos de Jesus Cristo. O movimento procura oferecer uma abordagem inovadora às formas tradicionais de doutrinação e renovar práticas tradicionais dos ritos e da mística da Igreja, mas permanecendo fiel a todos os preceitos católicos romanos.

Existem mais de 100 milhões de católicos carismáticos espalhados pelo mundo. No Brasil, a RCC teve origem na cidade de Campinas, SP, expandindo-se a partir da década de 1970.

Segundo à RCC, o "Espírito Santo", que é a Terceira Pessoa da Santíssima Trindade, habita dentro de cada ser humano. Nele estaria o desejo da prática do bem e da santificação. É descrito como "conselheiro", "consolador" ou "auxiliador", defensor Paráclito, guiando os homens no "caminho da verdade e da justiça". Há uma ênfase especial na ação do "Espírito Santo".

ENQUETE

Você concorda com a decisão do bispo?

" Não. Fiquei triste ao saber da decisão do bispo e lamento, mas não entendi, pois a missa é uma forma de expressar a fé em Deus. O louvor e adoração ao Espírito Santo são formas aceitas pelo Vaticano"
Antonia Altamira Alves
Atendente

"Sim. O bispo não proibiu a Renovação Carismática Católica de realizar os seus encontros e momentos espirituais, mas a missa como era feita foge da liturgia própria da Igreja, sem preocupação comunitária"
Alcileide Bezerra
Coordenadora da Pastoral da Criança

Mais informações
Cúria da Diocese de Iguatu

Rua Eduardo Lavor, 475
(88) 3581. 0731; Paróquia Nossa Senhora do Carmo, (88) 3517. 1121
Rua João de Luna, 10, Jucás

HONÓRIO BARBOSAREPÓRTER 

Fonte: http://diariodonordeste.globo.com/materia.asp?codigo=1341182

sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Escola Etelvina encerra a Semana da Consciência Negra na Escola


A escola Etelvina Gomes Bezerra trabalhando seus projetos SPE- Saúde e Prevenção nas Escolas, Geração da Paz e PJF- Projeto Jovem do Futuro, envolvendo o aluno na diversidade cultural.Com exposição de cartazes, Filme documentário Atlântico Negro e pesquisas em História sobre Comida Africana, Religião e Cultura foram a marca desse momento importante na Escola. Apresentação do Grupo de Capoeira Brasil com os professores Ligeirinho, Abmael, Tontonho e Welton Vieira que fizeram uma excelente demonstração da cultura afra. Também tivemos a apresentação Grupo de Tambores da Escola que fez uma excelente apresentação de músicas onde alunos da própria escola tocaram e cantaram abrilhantando a tarde cultural. A apresentação foi organizada pelos alunos e o Professor de Filosofia Danúsio e os demais professores que se envolveram neste projeto de forma maravilhosa. Esta é uma pequena parte das nossas ações enquanto educadores e promotores da Consciência Negra e da PAZ. Parabéns a todos que contribuíram para que este momento acontecesse. O dia de hoje aconteceu como culminância dos trabalhos realizados durante a semana com a apresentação de vídeos debates e discussões relacionados a consciência negra no Brasil.





Imagens e texto retirado do Face da Escola: https://www.facebook.com/escolaetelvina

O Pontífice destacou que a comunidade deve se reunir, em primeiro lugar, para adorar a Deus.

Da Redação, com Rádio Vaticano
Em homilia, Papa diz que adorar é o principal motivo de ir ao Templo
“Nossa atitude deve ser de piedade que adora e escuta, reza e pede perdão, louva ao Senhor “, disse o Papa / Foto: Rádio Vaticano
O Templo é um lugar sagrado, no qual o que mais importa não são os ritos, mas a adoração ao Senhor.  Este foi o ensinamento do Papa Francisco, na Missa celebrada, nesta sexta-feira, 22, na Casa Santa Marta. O Pontífice destacou também, em sua homilia, a importância de compreendermos que há o Templo de pedra, como local de culto, mas também o corpo, templo sagrado de Deus.
“Na cerimônia litúrgica, o que é mais importante: os cânticos, os rituais belos ou tudo? Mais importante é a adoração, toda a comunidade reunida, diante do altar, onde se celebra o sacrifício e a adoração”, destacou o Papa.
Francisco, referindo-se ao episódio em que Jesus expulsa os vendilhões do Templo,  questionou a maneira como os fiéis se comportam na Igreja. “Fazem dela um local de adoração ou de negócios?”, indagou o Pontífice.
“Mas, eu acho – digo com humildade -, que nós cristãos perdemos um pouco o sentido da adoração e  pensamos: vamos  ao templo, reunamo-nos  como irmãos, porque é bom, é belo; mas o centro é onde Deus está”, destacou.
O Santo Padre destacou que há também um outro Templo sagrado e importante para a vida de fé: o corpo. “Aqui, talvez, não possamos falar da adoração como no primeiro caso, mas de uma espécie de adoração do coração que busca o Espírito do Senhor dentro de si e sabe que Deus aí está”,  enfatizou o Papa, afirmando que, desse modo, o  homem é capaz de ouvir e seguir o Senhor.
“Seguir a Deus pressupõe uma constante purificação, porque somos pecadores. Purificar-nos com a oração, com a penitência, com o sacramento da reconciliação e com a Eucaristia”, destacou o Papa ao afirmar que, desta forma, os dois Templos estarão em harmonia.
“E assim, nestes dois Templos – o Templo material, local de culto, e o templo espiritual dentro de mim, onde o Espírito Santo habita -,  nossa atitude deve ser a piedade que adora e escuta, reza e pede perdão, louva ao Senhor”, concluiu o Papa.

DIA DE SANTA CECÍLIA - INTERCESSORA DOS MÚSICOS

Hoje celebramos a santidade da virgem que foi exaltada como exemplo perfeitíssimo de mulher cristã, pois em tudo glorificou a Jesus. Santa Cecília é uma das mártires mais veneradas durante a Idade Média, tanto que uma basílica foi construída em sua honra no século V. Embora se trate da mesma pessoa, na prática fala-se de duas santas Cecílias: a da história e a da lenda. A Cecília histórica é uma senhora romana que deu uma casa e um terreno aos cristãos dos primeiros séculos. A casa transformou-se em igreja, que se chamou mais tarde Santa Cecília no Trastévere; o terreno tornou-se cemitério de São Calisto, onde foi enterrada a doadora, perto da cripta fúnebre dos Papas.

No século VI, quando os peregrinos começaram a perguntar quem era essa Cecília cujo túmulo e cuja inscrição se encontravam em tão honrosa companhia, para satisfazer a curiosidade deles, foi então publicada uma Paixão, que deu origem à Cecília lendária; esta foi sem demora colocada na categoria das mártires mais ilustres. Segundo o relato da sua Paixão Cecília fora uma bela cristã da mais alta nobreza romana que, segundo o costume, foi prometida pelos pais em casamento a um nobre jovem chamado Valeriano. Aconteceu que, no dia das núpcias, a jovem noiva, em meio aos hinos de pureza que cantava no íntimo do coração, partilhou com o marido o fato de ter consagrado sua virgindade a Cristo e que um anjo guardava sua decisão.
Valeriano, que até então era pagão, a respeitou, mas disse que somente acreditaria se contemplasse o anjo. Desse desafio ela conseguiu a conversão do esposo que foi apresentado ao Papa Urbano, sendo então preparado e batizado, juntamente com um irmão de sangue de nome Tibúrcio. Depois de batizado, o jovem, agora cristão, contemplou o anjo, que possuía duas coroas (símbolo do martírio) nas mãos. Esse ser celeste colocou uma coroa sobre a cabeça de Cecília e outra sobre a de Valeriano, o que significava um sinal, pois primeiro morreu Valeriano e seu irmão por causa da fé abraçada e logo depois Santa Cecília sofreu o martírio, após ter sido presa ao sepultar Valeriano e Tibúrcio na sua vila da Via Ápia.
Colocada diante da alternativa de fazer sacrifícios aos deuses ou morrer, escolheu a morte. Ao prefeito Almáquio, que tinha sobre ela direito de vida ou de morte, ela respondeu: “É falso, porque podes dar-me a morte, mas não me podes dar a vida”. Almáquio condenou-a a morrer asfixiada; como ela sobreviveu a esse suplício, mandou que lhe decapitassem a cabeça.
Nas Atas de Santa Cecília lê-se esta frase: “Enquanto ressoavam os concertos profanos das suas núpcias, Cecília cantava no seu coração um hino de amor a Jesus, seu verdadeiro Esposo”.Essas palavras, lidas um tanto por alto, fizeram acreditar no talento musical de Santa Cecília e valeram-lhe o ser padroeira dos músicos. Hoje essa grande mártir e padroeira dos músicos canta louvores ao Senhor no céu.
Santa Cecília, rogai por nós!

Evangelho de hoje, 22 de novembro de 2013

Evangelho (Lc 19,45-48)
— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 45Jesus entrou no Templo e começou a expulsar os vendedores. 46E disse: “Está escrito: ‘Minha casa será casa de oração’. No entanto, vós fizestes dela um antro de ladrões”. 47Jesus ensinava todos os dias no Templo. Os sumos sacerdotes, os mestres da Lei e os notáveis do povo procuravam modo de matá-lo.48Mas não sabiam o que fazer, porque o povo todo ficava fascinado quando ouvia Jesus falar.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.

ALGUNS DO PT QUEREM FAZER DO POVO BURRO

Professo Valdeni Cruz

Imagem do Google
Hoje, ao ler uma matéria, dizia que Lula havia ligado para seus companheiros na cadeia dizendo que estava junto. Entendi por isto que ele está junto, ao lado e de acordo com aqueles salafrários mensaleiros. Preciso dizer que admiro a Lula e já fui eleitor dele. Porém, ao ouvir declarações como estas e outras tantas, fico a pensar com meus botões: será que Lula pensa que o povo é burro? 

O PT foi durante anos invejado pela coragem de lutar por um ideal político e social diferenciado, mas ao chegar no poder teve que assumir uma postura de centralização e de não querer mais sair. Como todos sabem, no Brasil o jogo político é constante, ganha quem joga melhor e não importa como seja jogo, o importante é ganhar. Envolvidos pelo poder, os petista como que abandonam seus princípio. O poder tomou conta dos líderes de outrora que condenavam práticas tais como as que praticaram. Sendo assim, nasce O MENSALÃO DO PT.

Todos lembram que quando começou a surgir a ideia de mensalão, o Lula sempre disse não "saber de nada". Era uma das frases mais ditas pelo então presidente.

Hoje, passados os anos e o julgamento do mensalão está chegando ao final, onde os condenados estão sendo enviados par a cadeia, percebemos que o Ex-presidente não pode mais dizer que não sabe de nada, mais que diz que o mensalão é coisa política e ele tem razão, é coisa da política que o PT adotou para poder se igualar aos demais partidos de então. 

Não estamos felizes porque estes mensaleiros foram, estamos é envergonhados. Porém, eu ficaria feliz se vissem estes desgraçados devolverem todos os recursos desviados por eles em meio a estes escândalos.Me refiro exclusivamente ao mensalão, mas claro, isso deveria acontecer com todos aqueles que desviam dinheiro público. Não precisaria cadeia, a obrigação dos ladrões do dinheiro deveria devolver tudo o que roubou com juros e correções monetárias e que estes nunca mais pudessem se candidatar a cargos eletivos
Vivemos num país da vergonha onde o bonito e é ser desonesto, corrupto. Os nossos representantes fazem questão de estar do lado da sujeira, do que é desonroso e digino de pena. Ser um brasileiro honesto é difícil pois a todo instante estamos vendo os maus exemplos de quem deveria ser um exemplo para o país.

Eu só digo uma coisa: o PT talvez continue no poder, pois o ciclo vicioso das bolsas fazem a multidão ficar cega e como diz a história: pra que mudar se eu continuo recebendo as migalhas sem fazer esforço? As migalhas que falo são as sobras que caem das mesas dos poderosos que são jogados aos fracos e aos desvalidos, o que vai fazendo com as pessoas fiquem dependentes desta política como um cão que fica dependente de seus donos somente por receber migalhas. 

quinta-feira, 21 de novembro de 2013

MUITO GRATO A TODOS OS QUE VISITAM ESTE BLOGGER

Olá!!

Gostaria de agradecer a todos os que tem passado por este Blog e conferido as matérias. Só no dia hoje foram mais de mil visitas de todos os cantos deste Brasil e fora dele. Sei que você teria outras milhares de opções de blogs e sits, mas parou neste e, não sei o que achou de interessante. Seja qual for os motivos que lhe trouxe a esta página, muito obrigado.
Gostaria de dizer que este blog é um pouco de mim. Aqui está publicado muitos artigos escritos por mim. Porém, há muitos artigos de outros amigos e sites, pois sinto ser importante replicar o que é bom e o que nos faz bem é sempre bom.

A todos vocês o meu agradecimento.

Continuamos aqui para contribuir de alguma forma com a cultura e divulgação de coisas boas.
Sou um brasileiro e, por sinal, nordestino. Sinto uma grande responsabilidade em ousar manter um blog ativo, mas tenho tentado.

Professor Valdeni Cruz
Aqui a minha página do Face https://www.facebook.com/valdeni.cruz

GOVERNO DO CERÁ - CTTC: equipamento tem mais de 90% da obra concluída

Qua, 20 de Novembro de 2013 15:39

CTTC Obras
Em fase final de construção, com mais de 90% da obra concluída, o Centro de Treinamento Técnico do Ceará (CTTC), coordenado pela Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior do Estado (Secitece), irá possibilitar a formação de cerca de 4 mil pessoas por ano nas áreas de Eletromecânica, Metalmecânica, Construção Civil e Petroquímica. Nesta quinta-feira (21), às 14 horas, o governador Cid Gomes e o ministro do Trabalho, Manoel Dias, visitarão as obras do CTTC.


Localizado no entroncamento das rodovias CE 085 (Estruturante) e CE 422, no município de Caucaia, o novo equipamento será um local de excelência em capacitação profissional, atuando nas áreas estratégicas para o desenvolvimento sustentável do Estado, nas modalidades de aprendizagem industrial, qualificação profissional e habilitação técnica.

Com instalações e equipamentos modernos, o plano de capacitação e gestão do Centro é voltado para as necessidades do Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP), e será feito de forma compartilhada entre o Governo do Estado do Ceará e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial do Ceará (Senai/DR-CE).

"A implementação do plano de capacitação de mão de obra para o CIPP vem propiciar o enfretamento, pelo Governo do Estado, do analfabetismo tecnológico e é uma possibilidade de inclusão social e de promover o desenvolvimento empreendedor, reduzindo a desigualdade socioeconômica no Estado, refletindo-se por via direta no índice de desenvolvimento humano e na condição de vida da população”, afirma o secretário da Secitece, René Barreira.

Estão sendo investidos recursos da ordem de quase R$ 36 milhões com obra e equipamentos para funcionamento do CTTC, que terá uma área de 9,1 mil metros quadrados e uma área projetada total de 16 mil m², contemplando as áreas administrativas e de ensino, cozinha semi-industrial, três laboratórios e um auditório com capacidade para 275 pessoas. Desse montante, o aporte do Tesouro Estadual é de mais de R$ 21 milhões; R$ 14,7 milhões vem de emendas parlamentares do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI).

Parceria com o Senai

O SENAI apresentou ao Governo do Estado um plano de negócio com análise de viabilidade técnica e financeira, visando subsidiar a implantação do CTTC. A Secitece se responsabilizará pelas despesas com alimentação e deslocamento dos treinandos. O SENAI arcará com as despesas de manutenção geral e de realização dos cursos.

O plano de capacitação do CTTC irá abranger os municípios de São Gonçalo do Amarante, Caucaia, Paracuru, Maracanaú, Maranguape, Paraipaba, Pentecoste, Fortaleza e demais municípios do entorno.

Homenagem

O CTTC deverá ser denominado Professor Lauro de Oliveira Lima, uma homenagem ao ilustre educador cearense, falecido em janeiro deste ano. A sugestão será encaminhada pelo governador Cid Gomes, através de projeto de Lei, à Assembleia Legislativa.


Lauro de Oliveira Lima, natural de Limoeiro do Norte ficou conhecido nacionalmente pela sua atuação política na educação e pelo desenvolvimento do Método Psicogenético - baseado na Epistemologia Genética de Jean Piaget, teoria que afirma que o conhecimento é gerado
através de um interação do sujeito com seu meio, a partir de estruturas existentes.


20.11.2013
Assessoria de Imprensa da Secitece
Simplicia Vianna ( plicia.rscom@gmail.com / 85 8724.2435 - 8833.3217)

FONTE: http://www.ceara.gov.br/sala-de-imprensa/noticias/9499-cttc-equipamento-tem-mais-de-90-da-obra-concluida

CINTURÃO DIGITAL VOLTA A SER POSSIBILIDADE EM PENTECOSTE

PENTECOSTE ENTRE AS 39 CIDADES LIGADAS AO CINTURÃO DIGITAL


cinturão digital


O Cinturão Digital – rede de 3 mil quilômetros (Km) de fibra óptica construída e operada pelo governo do Estado – deverá ter mais 39 municípios conectados nos próximos meses, segundo revelou ontem o presidente da Empresa de Tecnologia da Informação do Ceará (Etice), Fernando Carvalho. Com isso, além dos órgãos de cada prefeitura contarem com internet banda larga, os estudantes das escolas públicas terão acesso à web nos computadores das instituições e a população em geral terá internet wi-fi gratuita em duas das praças de cada uma das cidades.

Estas são as exigências básicas feitas às prefeituras e expressas no edital lançado pela Etice e que terá a divulgação oficial das cidades aprovadas feita hoje, de acordo com Carvalho.

“O nosso objetivo é massificar o acesso da população cearense à internet, e com qualidade. Chega desse negócio de ‘tá lento’. Vamos oferecer um serviço tão bom quanto o que é oferecido em Fortaleza”, garantiu o presidente da Etice.

Atualmente, apenas Banabuiú, Limoeiro do Norte, Quixadá, Sobral, Tauá e Viçosa têm contrato com a empresa estadual para conexão na rede de fibra óptica. Com a entrada de mais 39, Carvalho disse acreditar que os gestores devem estar atendendo “ao grande interesse dos habitantes neste serviço”.

O prazo para que os prefeitos viabilizem a conexão deve ser de 90 dias, a exemplo do primeiro edital lançado pela Etice.

Mais barato para as cidades

Das vantagens para as prefeituras de se conectarem ao Cinturão Digital, o presidente da Etice destaca o preço cobrado pelo Estado. Comercialmente, “5 megabits por segundo de velocidade custam R$ 16 mil para as prefeituras”. Já a conexão no Cinturão “custa R$ 3 mil por 150 megabits por segundo”.

“Nossa operação é barata porque os terrenos por onde a fibra passa são públicos e não pagamos pedágio. E nós ainda fazemos convênio com a Coelce (Companhia Energética do Ceará) para o uso dos postes”, ressaltou Fernando Carvalho.

O custo mensal de manutenção de todos os 3 mil Km também são em conta, conforme aponta ele. Ao todo, o governo gasta mensalmente R$ 600 mil, incluindo contratos com terceirizadas para a manutenção e concerto de rede, além do custeio de quatro equipes da Etice no interior atuando na fiscalização dos contratos e serviços.

No entanto, dependendo da necessidade de cada cidade no que diz respeito à infraestrutura de telecomunicação e informática, Carvalho observa que elas deverão lançar edital para contratar os serviços de manutenção das suas conexões.

Uso comercial maior

Ainda limitada aos contratos com prefeituras, a Etice está se preparando para oferecer a rede de fibra óptica estadual para provedores de acesso, os quais deverão ofertar serviços como TV por assinatura, internet banda larga fixa e até serviços de teleconferência.

A autorização para que isso possa acontecer já foi dada pelo conselho gestor do Cinturão Digital e foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) de 6 de novembro. Segundo o texto, a Etice deverá disponibilizar 20 cotas de transporte de dados de 200 megabits por segundo para download e upload a partir de uma capacidade ociosa de 4 gigabits por segundo identificada na rede do Cinturão Digital.

Preços estabelecidos

Cada empresa que fechar contratado de uso da rede poderá ter até três cotas e deverá pagar R$ 75 por megabit por segundo mensalmente. Para o usuário final dos serviços oferecidos pelos provedores de acesso, o preço estabelecido pela Etice é de R$ 29,90 mensais e a capacidade de conexão é de 1 megabit por segundo, “com garantia de 20%”.

Sobre a evolução dos parâmetros de qualidade da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), que são maiores que os exigidos no texto publicado no DOE, Carvalho garantiu que eles serão respeitados.

Prazos

Acerca dos prazos, o presidente da Etice informou que ainda haverá uma audiência pública para divulgar as cotas disponibilizadas pelo Estado até o dia 30 de novembro. Ainda neste ano, deve ser lançado edital para a contratação pelos provedores de acesso e os contratos devem ser assinados até abril do ano que vem, “por ser ano de eleições”. 



Fonte: Diário do Nordeste

Pentecoste com desejo de ficar grande

154883_432585596822476_1773706821_nA prefeita de Pentecoste Dra. Ivoneide Moura, em entrevista a equipe de reportagem da Rádio Difusora, nesta quarta-feira, 19 de novembro, por ocasião do lançamento do Plano Brasil Sem Miséria no município, falou da importância desse incentivo que vem do governo federal e dos benefícios que pode trazer com a geração de renda.

Dra. Ivoneide aproveitou o momento para informar que em virtude da seca que assola o município, não será realizado esse ano a Festa do Peixe como estava prevista, porém disse está confiante que Deus mande um bom tempo em 2014 e garantiu que se população não estiver sofrendo com esse problema, será feita não uma simples festa, mas uma grande feira de produtos agrícolas.


A gestora de Pentecoste também falou de sua recente viagem ao Distrito Federal (Brasília) onde levou as demandas do município para serem incluídas nas emendas parlamentares do próximo ano, ainda em Brasília Dra. Ivoneide recebeu a informação de que Pentecoste será incluído na região metropolitana de Fortaleza, e vibrou com a noticias pois isso só vem beneficiar município.

quarta-feira, 20 de novembro de 2013

Santo Padre lembrou que a reconciliação através dos ministros da Igreja foi um desejo do próprio Deus


Jéssica Marçal
Da Redação
Papa fala dos sacerdotes como instrumentos da misericórdia de Deus
Papa lembrou que o perdão através da Igreja foi um desejo do próprio Deus/ Foto: reprodução CTV
Na catequese desta quarta-feira, 20, Papa Francisco falou sobre a remissão dos pecados. Ele enfatizou o “poder das chaves”, um símbolo bíblico da missão dada por Cristo aos apóstolos para perdoar. A Igreja, conforme ele destacou, é guardiã deste poder, estando a serviço do ministério da reconciliação.
Francisco lembrou o papel desempenhado pelos sacerdotes, que são instrumentos da misericórdia divina. “O sacerdote, um homem que como todos precisa de misericórdia, é por sua vez instrumento de reconciliação para seus irmãos. Mediante seu ministério, Deus nos dá um abraço que nos regenera e nos permite levantar e retomar o caminho”.
Embora Deus escute cada um em particular, essa confissão junto ao sacerdote é, segundo o Papa, a segurança do perdão de Deus. O próprio Deus, segundo recordou, quis que os que pertencem a Cristo e à Igreja recebessem o perdão através dos ministros da comunidade.
“Através do ministério apostólico, a misericórdia de Deus me alcança, as minhas culpas são perdoadas e me é dada a alegria. Deste modo, Jesus nos chama a viver a reconciliação também na dimensão eclesial”.
Outro ponto destacado pelo Pontífice foi o protagonismo do Espírito Santo na remissão dos pecados. “O Espírito Santo nos traz o perdão de Deus passando pelas chagas de Jesus que Ele quis conservar”.
Essas chagas de Cristo foram destacadas por Francisco como o preço da salvação do homem. Ele encerrou lembrando que Deus nunca se cansa de perdoar, portanto, o homem nunca deve se cansar de ir ao Seu encontro para pedir perdão.

Evangelho de hoje, 20 de Novembro de 2013

Evangelho (Lc 19,11-28)

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 11Jesus acrescentou uma parábola, porque estava perto de Jerusalém e eles pensavam que o Reino de Deus ia chegar logo. 12Então Jesus disse:
“Um homem nobre partiu para um país distante, a fim de ser coroado rei e depois voltar. 13Chamou então dez dos seus empregados, entregou cem moedas de prata a cada um e disse: ‘Procurai negociar até que eu volte’.
14Seus concidadãos, porém, o odiavam, e enviaram uma embaixada atrás dele, dizendo: ‘Nós não queremos que esse homem reine sobre nós’. 15Mas o homem foi coroado rei e voltou. Mandou chamar os empregados, aos quais havia dado o dinheiro, a fim de saber quanto cada um havia lucrado. 16O primeiro chegou e disse: ‘Senhor, as cem moedas renderam dez vezes mais’. 17O homem disse: ‘Muito bem, servo bom. Como foste fiel em coisas pequenas, recebe o governo de dez cidades’.
18O segundo chegou e disse: ‘Senhor, as cem moedas renderam cinco vezes mais’.19O homem disse também a este: ‘Recebe tu também o governo de cinco cidades’.20Chegou o outro empregado e disse: ‘Senhor, aqui estão as tuas cem moedas que guardei num lenço, 21pois eu tinha medo de ti, porque és um homem severo. Recebes o que não deste e colhes o que não semeaste’. 22O homem disse: ‘Servo mau, eu te julgo pela tua própria boca. Tu sabias que eu sou um homem severo, que recebo o que não dei e colho o que não semeei. 23Então, por que tu não depositaste meu dinheiro no banco? Ao chegar, eu o retiraria com juros’. 24Depois disse aos que estavam aí presentes: ‘Tirai dele as cem moedas e dai-as àquele que tem mil’. 25Os presentes disseram: ‘Senhor, esse já tem mil moedas!’ 26Ele respondeu: ‘Eu vos digo: a todo aquele que já possui, será dado mais ainda; mas àquele que nada tem, será tirado até mesmo o que tem. 27E quanto a esses inimigos, que não queriam que eu reinasse sobre eles, trazei-os aqui e matai-os na minha frente’”. 28Jesus caminhava à frente dos discípulos, subindo para Jerusalém.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.

Violência tira 1,73 ano de vida de negros

A expectativa de vida de um homem negro no Brasil é 1,73 ano menor do que deveria ser por causa da violência - o valor é mais do que o dobro da perda dos homens brancos. Os dados, levantados pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), mostram que, a cada três homicídios no Brasil, em dois a vítima é negra.

Para além das causas socioeconômicas, a maior razão das mortes violentas dos negros, diz a pesquisa, é o racismo. Informações sobre mortalidade do Censo 2012, usadas pelos pesquisadores, mostram que a taxa de mortes violentas entre os negros é de 36 mortes por 100 mil. Entre os não negros, de 15,2. A principal conclusão da pesquisa é que a cor aumenta a vulnerabilidade dos negros, que correm 8% mais riscos de se tornarem vítimas de homicídio do que um homem branco, ainda que nas mesmas condições de escolaridade e características socioeconômicas.

"O negro é duplamente discriminado no Brasil, por sua situação socioeconômica e por sua cor de pele. Essas discriminações combinadas podem explicar a maior prevalência de homicídios de negros vis-à-vis o resto da população", diz o estudo. Variáveis como educação, emprego, renda e localização do domicílio explicariam, segundo o estudo, apenas 20% da diferença no número de mortes entre negros e brancos. O restante estaria ligado à cor da pele.

No Espírito Santo, por exemplo, homens negros perdem 5,2 anos em sua expectativa de vida e, na Paraíba, 4,8 anos. Nos dois casos, a queda na expectativa de vida do grupo é causada basicamente por homicídios.

Protesto. Para protestar em São Paulo contra a violência que atinge "pretos, pobres e periféricos", sai hoje da Avenida Paulista a Marcha da Consciência Negra, com destino ao Teatro Municipal. Entre os organizadores está o professor universitário Ailton dos Santos, de 46 anos. Ele é negro e morador do Mandaqui, na zona norte.

Santos calcula que já tenha perdido 50 amigos assassinados. "Ao menos 40% dos meus amigos de infância e adolescência morreram", diz. Há quatro meses, quando andava pelos Jardins, foi abordado por policiais, que perguntaram: "O que está fazendo aqui?". Foi uma entre as mais de 30 abordagens constrangedoras que já recebeu.

terça-feira, 19 de novembro de 2013

20 DE NOVEMBRO - DIA DA CONSCIÊNCIA NEGRA

Dia Nacional da Consciência Negra O dia 20 de novembro faz menção à consciência negra, a fim de ressaltar as dificuldades que os negros passam há séculos.
A escolha da data foi em homenagem a Zumbi, o último líder do Quilombo dos Palmares, em consequência de sua morte. Zumbi foi morto por ser traído por Antônio Soares, um de seus capitães.
A localização do quilombo ficava onde é hoje o estado de Alagoas, na Serra da Barriga.
O Quilombo dos Palmares foi levantado para abrigar escravos fugitivos, pois muitos não suportavam viver tendo que aguentar maus tratos e castigos de seus feitores, como permanecerem amarrados aos troncos, sob sol ou chuva, sem água e sofrendo com açoites e chicotadas. O local abrigou uma população de mais de vinte mil habitantes.
Ao longo da história, os negros não foram tratados com respeito, passando por grandes sofrimentos. Pelo contrário, foram escravizados para prestar serviços pesados aos homens brancos, tendo que viver em condições desumanas, amontoados dentro de senzalas.
Muitas vezes suas mulheres e filhas serviam de escravas sexuais para os patrões e seus filhos, feitores e capitães do mato, que depois as abandonavam.
As casas dos escravos eram de chão batido, não tinham móveis nem utensílios para cozinhar. As esposas dos barões é quem lhes concedia alguns objetos, para diminuir as dificuldades de suas vidas. Nem mesmo estando doentes eram tratados de forma diferente, com respeito e dignidade. Ficavam sem remédios e sem atendimento médico, motivo pelo qual inventaram medicamentos com ervas naturais, ações aprendidas com os índios durante o período de colonização.
Algumas leis foram criadas para defender os direitos dos negros, pois muitas pessoas não concordavam com a escravização. A Lei do Ventre Livre foi a primeira delas, criada em 1871, concedendo liberdade aos filhos dos escravos nascidos após a lei. No ano de 1885, criaram a Lei dos Sexagenários, dando liberdade aos escravos com mais de sessenta anos de idade.
Porém, com a Lei Áurea, assinada pela Princesa Isabel em 13 de maio de 1888, foi que os escravos conquistaram definitivamente sua liberdade.
O grande problema dessa libertação foi que os escravos não sabiam realizar outro tipo de trabalho, continuando nas casas de seus patrões, mesmo estando libertos. Com isso, a tão esperada liberdade não chegou por completo.
As oportunidades de vida que tiveram eram limitadas apenas aos trabalhos pesados, como não haviam estudado e não aprenderam outros ofícios além dos braçais, porém, alguns conseguiram emprego no comércio.
O dia da consciência negra surgiu para lembrar o quanto os negros sofreram, desde a colonização do Brasil, suas lutas, suas conquistas. Mas também serve para homenagear àqueles que lutaram pelos direitos da raça e seus principais feitos.
Na data são realizados congressos e reuniões discutindo-se a história de preconceito racial que sofreram, a inferioridade da classe no meio social, as dificuldades encontradas no mercado de trabalho, a marginalização e discriminação, tratando-se também de temas como beleza negra, moda, conquistas, etc.

domingo, 17 de novembro de 2013

Professores: desistam dessa profissão!

Professores_desistam dessa profissão!Todo mundo já sabe que os professores, em todo o país, ganham muito mal, apesar de serem os profissionais mais importantes de uma sociedade. Todo mundo sabe que o único profissional que no Japão não precisa se curvar diante do imperador é o professor. Todo mundo já sabe que nossas escolas públicas não têm recursos ou estão, muitas delas, em péssimo estado de conservação. Todo mundo já sabe de tudo sobre os professores. O mais triste, é que todo mundo já sabe que nossos políticos detestam os professores e o que eles significam: a lucidez do povo, mas ninguém faz nada! O povo não luta pelos professores e/ou pelo ensino. O povo luta contra aumento de passagem, pede o fim da corrupção e até diz que luta em favor do ensino, mas na prática não faz nada! Provo isto porque nunca vi alguém sair de sua casa, não sendo aluno ou professor, para ir a uma manifestação, exigir que os professores tenham salários dignos e plenas condições de trabalho.
Lamento muito no que a profissão de professor se transformou. Para boa parte da sociedade, professor, hoje, é profissão de pobre. Pais de classe média querem que seus filhos sejam tudo na vida, menos professores, já que desejam um futuro de conforto, prosperidade e realização para seus filhos, e entendem que isto será impossível de se atingir sendo professores. Já os políticos, principalmente prefeitos e governadores, consideram todos os professores “comunistas chatos” que reclamam o tempo todo. No entanto, esquecem que sua limitada visão da realidade (por só ficarem em gabinetes) e ilimitada ganância fizeram com que o ensino não pudesse ser bom. Um povo instruído sabe que é preterido pela classe política e não acreditaria em praticamente nada do que lhes é prometido em tempos de eleição. Um povo instruído se negaria a votar em urnas eletrônicas que só os TREs e o TSE consideram, no mundo inteiro, um processo seguro e impossível de ser fraudado.
O Brasil vive numa séria encruzilhada. Sabemos que nossa classe política está destruindo o que falta do ensino público, já que desejam se perpetuar no poder. Um povo sem instrução jamais entenderá o que é um embargo infringente e nem que os principais nomes do Mensalão poderão escapar da cadeia. Já o “pobre miserável”, quando levado à Justiça, é condenado em primeira instância e apodrece na cadeia por não saber que têm direito a recorrer, por exemplo. Este pobre, nos tempos de escola, nunca aprendeu nada sobre cidadania porque não tinha professor que o ensinasse. Entendendo o que o nosso país precisa, temos a consciência de que teremos que lutar sozinhos, sem os governos, que se mostram inimigos do povo e não “pelo povo e para o povo”. A sociedade é que terá que se organizar para se instruir, com o cuidado de que politiqueiros baratos não tentem se aproveitar das iniciativas. Que é uma proposta utópica, eu sei. Mas não se idealiza um país sem propostas utópicas, porque sempre desejamos o máximo, e não o meio termo daquilo que é possível.
O que aconteceu no Rio de Janeiro de professores, em legítima manifestação contra ditames insanos do prefeito, serem espancados por tropas da Polícia Militar a mando de governos com várias e sérias denúncias de corrupção e má gestão da coisa pública, foi um exemplo de barbárie política e social sem precedentes em nossa história recente. É curioso como governadores e prefeitos alegam que não há verba para equipar escolas ou remunerar dignamente os professores, mas há verbas em abundância para equipar forças de repressão policial e usar esta verba para esmagar aqueles que de fato alicerçam uma nação. É assim que os governos brasileiros entendem o ensino, como digno de ser espancado!
Em alguns estados e municípios a evasão de professores públicos é imensa. Professores optam por sobreviver e/ou não mais se frustrarem profissionalmente e ou desistem das salas de aula ou migram para o ensino privado, que é inviável para a grande parte da população. Não que o ensino privado seja excelente em seu todo, mas ainda é uma possibilidade de melhoria de trabalho para aqueles que nele ingressam. Devemos também entender que a opção de um modelo baseado em apenas haver ensino de qualidade na rede privada tem consequências absurdamente sérias para a estrutura social do país. É a perpetuação e a concentração do poder de análise (e do próprio conhecimento formal) nas mãos de poucos, o que impede qualquer alteração do status quo político, econômico e social do país. É como manter uma escravidão camuflada, onde o pobre sem condições de questionar, assim permanecerá por toda a vida. Assim, não se muda um país.
Eu não quero que aconteça de ninguém desistir de ser professor. Eu quero é que todos sejam professores. Uns serão professores de História, Geografia ou Matemática. Outros serão de civismo ou “amor ao próximo”. Uns estudarão formalmente para exercer seu ofício, outros viverão plenamente para aprender como exercer sua cidadania. Todos seremos professores. E quando todos formos professores na vida, aí sim teremos um grande país. Até lá, só temos uma piada ou um projeto, como queiram chamar.
É óbvio que quem deseja e pode alterar alguma coisa e ameaçar todo um projeto de poder, será visto como uma ameaça. É óbvio que nossos dominantes políticos não querem que professores atuem com qualidade e eficiência. É obvio que eles querem que todos desistam. Para nossos governantes, a ordem que deveria ser dada é “Professores, desistam dessa profissão!”. Para nós, que somos o povo, o pedido que fazemos é“Professores, não desistam do país!”.

*Alessandro Lyra Braga é carioca, por engano. De formação é historiador e publicitário, radialista por acidente e jornalista por necessidade de informação. Vive vários dilemas religiosos, filosóficos e sociológicos. Ama o questionamento

INFORMAÇÕES DO TCE - MUNICÍPIO DE PENTECOSTE

PARA OS QUE GOSTAM DE FICAR INFORMADOS E SABER DE DADOS VERDADEIROS, DISPONHAM LEIA TUDO E SE INFORME. ESSES SÃO DADOS OFICIAIS. NÃO ES...